FEDERAÇÃO PARAENSE DE FUTEBOL

Terça-feira, 15 de Outubro de 2019

Remo e Paysandu ficam apenas no empate contra Ypiranga e Boa Esporte pelo Brasileirão Série C

Postado em 30/06/2019 as 07:54:50
Neste final de Semana, Remo e Paysandu entraram em campo pela 10ª Rodada do Campeonato Brasileiro Série C, com o objetivo de se manter no G4 e buscar a ponta da tabela.

Na noite desta última sexta-feira, Paysandu e Ypiranga-RS se enfrentaram no Estádio Leônidas Castro, a Curuzu. Em jogo, a liderança para o Bicolor paraense em caso de vitória, e a volta para o G4 se houvesse triunfo do Canarinho de Erechim.

Na primeira metade da partida, as duas equipes estiveram apáticas em campo, criando poucas chances de gol e escasso risco aos goleiros Mota e Douglas. No segundo tempo, o Papão da Curuzu se soltou mais, criou mais e animou a torcida no vovô da cidade, as bolas cruzadas por ambos os lados aliadas a venenosas cabeçadas de Perema e contra-ataques puxados por Pimentinha, exigiram belas e difíceis defesas de Douglas, responsável por levar um ponto na bagagem da equipe do Rio Grande do Sul.

(Arte: Divulgação FPF)

Já o Clube do Remo viajou até o interior de Minas Gerais para enfrentar o Boa Esporte na noite deste último sábado, a fim de se manter na cola do então líder Juventude. 
Em campo, o Leão Azul já começou colocando pressão máxima ao adversário, e logo aos 8 minutos de partida, escanteio para os Azulinos cobrado na cabeça de Fredson, que sozinho cabeceia para o fundo do gol. Logo depois, Alex Sandro quase marcou o segundo. 
Então, o Boa Esporte começou a reagir, e Gustavo chega ao empate aos 25 minutos. O Boa começou a gostar do jogo e, por pouco, não foram para o intervalo na vantagem depois que Gustavo tocou de cabeça rente à trave.

Segundo tempo
O Remo continuava mais objetivo. Tanto que novamente ficou na frente no placar com 19 minutos de bola rolando. No cruzamento à área, Fernando desviou de maneira estranha, a bola tocou no travessão e sobrou para Alex Sandro que, de peixinho, finalizou pro gol. O Boa não esmorecia e seguia na pressão, mas errava demais. A postura do contra-ataque não deu certo para o Leão, que foi cedendo espaço e levou um chute na trave de Jayme. Logo depois, Bruno Maia testou, dessa vez, no travessão. De tanto tentar, a Coruja deixou tudo igual aos 38 minutos. Tsunami, um dos destaques da partida, revelado na base do Remo, soltou um petardo contra o ex-time. Um forte chute, de primeira, sacramentando o resultado igual.
(Arte: Divulgação FPF)

Com este resultado, o Paysandu permanece na 4ª Posição até o final da rodada em virtude da derrota do Tombense-MG diante do São José-RS. E o Remo também estacionou na vice-liderança, agora esperando um tropeço do Juventude-RS diante do Luverdense-MT, que acontecerá segunda, 20h no Alfredo Jaconi.

(Arte: Divulgação FPF)
Facebook
Twitter
1969 - 2019 Federao Paraense de Futebol - Fundada em: 02.12.1969 Rua Paes de Souza, 424 - Fones: (0**91) 3229-5088/5397 - Fax: (0**91) 3229-1331
CEP: 66075.030 - Belm - Par e-mail: contato@fpfpara.com.br - site: www.fpfpara.com.br.